Economia Criativa


Agora em setembro vou começar meu mestrado em gerenciamento nas indústrias criativas, na Kingston University em Londres. Como falei no primeiro post, eu sempre me interessei por gestão. Aprendi colocando a mão na massa como melhorar a produtividade, organizar processos, trabalhar com orçamento e uma série de trabalhos que podem ser normal para muita gente mas pra quem trabalha com criação não é fácil.

Muito se fala em economia criativa. É um conceito que parece óbvio mas ele vem sendo estudado e desenvolvido melhor há mais de duas décadas. Ele se refere ao potencial sócioeconômico de atividades que lidam com criatividade, conhecimento e informação. Os valores são baseados em inovação mais do que os recursos tradicionais de propriedade, trabalho e capital.

No final dos anos 90 o Reino Unido lançou o primeiro mapeamento das indústrias criativas e em 2013 a FIRJAN apresentou o mapa brasileiro. Surpreendentemente esse setor cresceu 69.8% na última década e já movimenta mais de $126 bilhões de dólares por ano. No Brasil, os números também são impressionantes: são dois milhões de empresas que geram R$110 bilhões que equivalem a 2,7% do PIB (2011).

O Rio de Janeiro foi recentemente incluído na rede global de distritos criativos e recebeu seu forum internacional em 2012. Olhando para o futuro, me identifico com o autor John Howkinks em seu livro The Creative Economy: “quero continuar exercitando minha imaginação e explorando seu valor econômico”.

Meu plano é participar desse movimento ascendente e ajudar profissionais das áreas criativas a se profissionalizarem e terem recursos para fazer a diferença na nossa economia.

Se quiser se aprofundar mais no tema, eu recomendo muito o Livro do John Howkins. E nesse link do Sebrae tem bastante informação.

E você? Qual o seu sonho? Comente abaixo!

#Jornada #Gestão #EconomiaCriativa

Hello!

Here I share my journey with

my home country writing 

about management, business

and creativity

Sobre

Depois de trabalhar em diferentes áreas do design, minha carreira

me levou ao cargo de gerência. 

Aprendi a liderar, usar planilhas

e gerenciar pessoas e projetos, colocando a mão na massa.

Hoje trabalho como consultora criativa, freelancer de estamparia

e faço mestrado em "Managing in the Creative Industries" na

Kingston University, em Londres. 

Aqui eu compartilho a minha jornada e falo sobre gestão, negócios e criatividade.

Posts recentes
Categorias
Procure por TAGs
Nenhum tag.
Siga
  • LinkedIn - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle

ABOUT

Celina Schlieckmann connects business
and creativity through consultancy
for creative businesses, art direction
for surface design and education.

CONTACT

Email: celinaschlieckmann@gmail.com

SKYPE: celinamms

Working globally: From Brazil, based in the UK

  • LinkedIn - Grey Circle

All rights reserved to Celina Schlieckmann ©

celinaschlieckmann@gmail.com